Mensageiro de Jesus

Arquivojaneiro 2020

A força do batismo

Nas aguas

Fundamentalmente, a Liturgia aponta para a missão de Jesus e também para a nossa missão de batizados. O que ocorre em nosso batismo não é um gesto mágico, mas sim, a vida nova em Cristo, vida divina. Como tal, assumimos na fé, a mesma missão de Jesus e, como Ele, somos convocados a dar a nossa vida pelos irmãos. Mas, se não gostamos de comprometimento, acabamos vivendo a mediocridade na fé, e o batismo recebido torna-se apenas um gesto; um gesto mágico, talvez. Não nos envolve nem sentimos a importância dele, por isso levamos a...

Jesus nos ensinando

Olho brilhando

O vinho novo, ainda fermentando, tinha que ser posto em odres (sacos de pele) novos, que não se rompessem. Assim a doutrina de Jesus, seu jeito novo de viver, não pode ser combinada com a velha maneira de pensar do judaísmo ou com nossas idéias meramente humanas. Quem quiser abraçar o Evangelho, precisa estar disposto a deixar tudo que procurava antes e pensar tudo de maneira nova. Precisamos conhecer a pedagogia e metodologia de Jesus, especialmente quando Ele ensina que “o verdadeiro culto a Deus nasce no coração e não no...

Jesus chama um pecador para segui-lo

Caminhando para o céu

É belo o Evangelho de hoje, não só pelo chamado que Jesus fez a Levi, e o faz a nós também, mas também porque nos faz contemplar profundamente o sentido de sua encarnação. Ele é a misericórdia viva, feito carne, presente; é a proximidade com cada ser humano. A triste experiência do pecado e da fragilidade humana encontra em Cristo a misericórdia, que nos salva, que nos perdoa e nos faz viver de novo. Mateus era um cobrador de impostos, malvisto pelo povo porque era desonesto. Ele deixa imediadamente o serviço de cobrador para...

Jesus com amor, cura o paralítico

Cruzadas

Jesus estava em casa. Em Cafarnaum, sua casa era a casa de Pedro, que, em pouco tempo, estava cheia, com gente esparramando-se pela porta afora. Aos sábados, Ele falava nas sinagogas; nos outros dias falava ao ar livre, ou nas casas familiares. Ele continua preferindo as casas. A vida familiar é o primeiro ambiente em que se manifesta seu Evangelho, encarnado na vida do dia dia. Jesus reconhece o amor daqueles homens que carregam o pobre paralítico. Com todo amor cura o paralítico, liberta-o, devolve-lhe a vida. As autoridades, preocupadas...

A força libertadora de Jesus

Barba linda

Mesmo que seja uma proposta de vida e de libertação e liberdade, ainda há rejeições da proposta de Jesus. Aquele homem tão oprimido e sofredor, que o Evangelho diz que era um homem possuído por um espírito mau, pode experimentar fortemente a força libertadora e salvadora de Jesus, que veio para expulsar o mal em todas as suas manifestações. Quem é do mal rejeita essa atuação libertadora. Cabe à comunidade cristã prosseguir nessa prática de Jesus, sem temer a reação do mundo. Nesse Evangelho, Jesus expulsa o príncipe do...

O batismo de Jesus

De vermelho não

João insiste em ser batizado por Jesus, mas Jesus faz-se batizado por João. Mateus quer mostrar-nos que em Cristo se realiza toda justiça de Deus, ou seja, o cumprimento de sua vontade. Jesus assume o batismo de João e o movimento de conversão que João provocara, para que fosse cumprida a vontade de Deus, a justiça divina. E a voz do Pai mostra-nos que Jesus está cumprindo a vontade Dele. O catecismo da Igreja ensina que o Batismo gera quatro efeitos: é tirada a mancha do pecado original, começamos a fazer parte da família de Deus...

Ele bate à nossa porta

Ele bate em nossa porta

O Reino está à porta e bate, pois deseja entrar. O tempo já chegou e não há mais o que esperar. É hora de acolher e partir. Jesus vai para Galileia e começa a pregar: “O tempo já se completou, e o Reino está próximo. Convertei-vos e crede no Evangelho!” Começa também a chamar e a juntar os discípulos à sua volta. Não quer anunciar sozinho e faz escola com os Doze primeiros chamados. Também para nós, Jesus diz: “Completou-se o tempo e o Reino de Deus está próximo; fazei penitência e crede no...