Mensageiro de Jesus

AutorReinaldo

Seguindo Jesus

Cruz de madeira

Jesus não era como os profetas e outros mestres. Ele se apresentava pessoalmente como a própria salvação e pedia para si o primeiro lugar na vida de cada discípulo. Ainda hoje, para o seguir, temos que estar dispostos a renunciar a tudo e tudo suportar por Ele. E nós o podemos fazer porque Ele está sempre conosco, a nos amparar na fraqueza e nos dar coragem. Certamente encontramos em nossa sociedade, “deuses interessantes”, que diminuem e não fazem nenhuma exigência. Mas Jesus, verdadeiro Deus e verdadeiro Homem, deixa nos...

Jesus luz do mundo

Nas aguas

Aos poucos, Jesus restitui a visão ao cego. Podemos imaginar que assim o faça para nos ensinar que, às vezes Ele vai nos transformando. Temos de ter a humilde paciência de quem depende dele em tudo. O importante é que aproveitemos todos os impulsos que Ele nos dá, darmos um passo depois do outro. É o melhor que podemos fazer. Jesus caminha com aquele homem cego. não fica somente a leu lado, mas caminha com ele, toca-o e o liberta. Eis o que Ele nos ensina: quem quer libertar, deve caminhar junto com o outro. Isso será sempre exigente...

“Tu és o Messias, respondeu Pedro”

Nosso Mestre

Sempre perguntamos o que os outros são e não perguntamos a nós mesmos o que somos, o que fazemos, como agimos… Parece até que estamos fora de qualquer suspeita. Ainda hoje aparecem novas opiniões sobre quem é Jesus, ainda que muitas sejam apenas repetição de opiniões muito antigas. Na verdade, Jesus tem importância para nós somente se, levados pela fé, acreditamos que ele é o Filho de Deus encarnado. Ele é importante para nós, porque nos une a si, faz-nos participantes da sua divindade e nos pode manter na verdade e na...

Convocados pela Palavra de Deus

Foleando

No Antigo Testamento, encontramos normas e mandamentos que são para sempre, enquanto outros são transitórios ou ligados à cultura do povo hebreu. Diante desses últimos, Jesus mostro-se muito livre. Quanto aos mandamentos definitivos, Jesus ensinou que deviam ser assumidos de forma ainda mais rigorosa. A obediência a esses mandamentos deve ser mais profunda do que antes, inspirada nas exigências do amor a Deus e ao próximo. Somos convocados pela Palavra a andarmos segundo o Espírito. Só ele nos leva às profundidades de Deus e nos...

Jesus misericordioso

O Filho e a Mãe

Diante da necessidade do povo, Jesus agiu e não apenas teve dó. Com a colaboração dos que tinham sete pães e alguns peixinhos, Ele usou seu poder divino para matar a fome de tanta gente. Tenho de perceber as necessidades ao meu redor, que circundam minha realidade; isso já é uma atitude de fé. Ainda que não possa recorrer a milagres, posso fazer muito para ajudar, deixando nas mãos de Deus o que eu não puder resolver. Jesus, Filho do Pai do céu, foi quem nos revelou que Deus é Pai e que nos ama muito como suas criaturas que...

Jesus mais uma vez curando

A cura

O evangelista Marcos insiste em que Jesus não queria despertar um entusiasmo fácil. Queria ser aceito por si mesmo. Em diversas ocasiões, quando solicitavam a Jesus a cura de um doente, Ele, por seu poder divino, ao sentir a fé de quem lhe pedia o milagre, restituía-lhe a saúde de longe mesmo. Ainda ontem meditamos sobre a cura da filha da mulher siro-fenícia, que ficou livre dos seus males à distância. Lembremo-nos: “Voltou para casa e achou a menina deitada na cama. O demônio havia saído”. Desta vez, o nosso Salvador...

Ele está sempre entre nós

Olho brilhando

Jesus estava em terras de pagãos. Não queria pregar publicamente. Nem por isso seu poder divino deixou de agir para conquistar o coração daquela mãe. Não vemos, nunca vimos Jesus. Mas Ele está sempre presente, a agir sobre nós para levar-nos à conversão. É possível sim sentir sua presença em nós, e isso nos faz tanto bem. O importante é que nos deixemos atrair e levar por Ele. Se nos deixarmos conquistar por Ele, então seremos felizes. Quanto a isso, não resta dúvida alguma. O Mestre foi encontrar a fé que esperava...