Mensageiro de Jesus

“Nenhum profeta é bem aceito em sua terra”

Wanda

Jesus tinha acabado de ler a passagem de Isaías, em que o profeta fala da missão que lhe fora confiada. Ele interpretou essas palavras como se aplicando também ao Salvador prometido. Para surpresa de seus conterrâneos de Nazaré, Ele disse tranquilamente: “Vocês estão vendo a realização da profecia que acabamos de ler. Eu sou o Salvador enviado para trazer salvação aos pobres, libertação aos cativos e oprimidos, visão para os cegos, e para anunciar a chegada do bem-querer de Deus”
Não acreditavam que ele, que todos julgavam conhecer muito bem, fosse o Salvador prometido, a única esperança de libertação para eles. Acreditar no que vem de longe é mais fácil, porém, é exigente acreditar em quem está tão perto de nós. O que vem de outros países é muito melhor do que é do nosso. Será? Preferiram ficar com seus preconceitos. Expulsaram-no da sinagoga e tentaram matá-lo. Pensemos em nossas rejeições comunitárias, familiares e pessoais. Como nos respeitamos e nos acolhemos uns aos outros?
O que Jesus está nos ensinando: que é impossível querer viver uma fé nele que não seja comprometida com a realidade da vida, pois a fé não está separada da vida, nem a vida separada da fé. Ensina-nos que nossa fé nele, deve atravessar as fronteiras do nosso próprio eu, e alcançar “lugares mais distantes”, que é o coração dos irmãos, principalmente os que estão à margem da sociedade e da comunidade. Fé autêntica é ter mãos de samaritano, que se estendem para acolher, ajudar, libertar… (Lc 4, 21-30)

Sobre o autor Visualizar todos os posts Autor website

Reinaldo

Reinaldo

O idealizador deste site quer que seus leitores recebam um precioso recado de Jesus, que os orienta sobre a melhor maneira de pensar, agir e viver.

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado *