Mensageiro de Jesus

“Que lutemos contra as tentações do demônio”

Usando mascara
O tempo da Quaresma começa na Quarta-feira de Cinzas e termina na Quinta-feira Santa antes de iniciar a celebração da Ceia do Senhor. Todos os anos, no primeiro domingo da Quaresma, lê-se o texto das tentações de Jesus, cada ano segundo seu evangelista próprio. Neste ano lemos o texto de Marcos, que é breve e sem muitos diálogos (como lemos em Mateus e Lucas), mas conserva os elementos essenciais do significado das tentações.
Esse texto do Evangelho, nos apresenta as tentações do demônio que Jesus enfrentou em sua natureza humana. O catecismo ensina que nenhuma tentação é superior à nossa força de vontade. Deus conhece os nossos limites e não permite que sejamos tentados além de nossa capacidade. O cristão sairá sempre vitorioso, diante de qualquer tentação, quando se afasta das ocasiões que nos pode levar ao pecado e ao mal. Esta fuga é fortalecida pela frequência aos aos santos Sacramentos, especialmente a Confissão e a Comunhão Eucarística e, também, pela devoção à Nossa Senhora.
Diz o Evangelho de hoje, a respeito de Jesus que, “ao término das tentações, os anjos o serviram”. Deus nos dá a força necessária para enfrentarmos qualquer tentação demoníaca. (Mc 1, 12-15)
“Monge”

Sobre o autor Visualizar todos os posts Autor website

Reinaldo

Reinaldo

O idealizador deste site quer que seus leitores recebam um precioso recado de Jesus, que os orienta sobre a melhor maneira de pensar, agir e viver.

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado *