Mensageiro de Jesus

“Refletindo o Evangelho de Jesus”

Nossa capela
Parece que todos temos a tendência de fugir de uma conversão total. Não queremos deixar tudo e mudar de vida de uma vez para sempre. É sobre isso que Jesus nos fala. Diante de sua proposta, não é possível meia aceitação. Jesus não gosta nem aprova meia medida. Por isso, eu, você e a comunidade inteira somos desafiados a mudar nosso modo de pensar, nossos objetivos de vida, nossa maneira de viver.
Não pensemos nós que Jesus era contra o jejum. O que Ele não aceitava era fundamentar a religião nessa prática, pois a novidade do Evangelho pregava a igualdade de tratamento para todos. Ora, já sabemos que os fariseus discriminavam as pessoas por meio de uma norma mal interpretada por eles e que tinha como resultado a falta de caridade para com as viúvas, os órfãos, os estrangeiros, os doentes. Dentre estes, estavam principalmente os doentes de pele, sobretudo os leprosos. Tais pessoas não podiam oferecer sacrifícios pelos próprios pecados porque não tinham dinheiro para comprar animais e entregá-los aos sacerdotes, afim de sacrificá-los e alcançarem o perdão dos pecados. Por isso, Jesus diz que não adianta a novidade do Evangelho para quem não quer abrir mão dos preconceitos. Assim, também nós devemos primeiro perdoar a quem nos ofendeu e só depois oferecer o Santo Sacrifício da Missa. (Mc 2, 18-22)
“Monge”

Sobre o autor Visualizar todos os posts Autor website

Reinaldo

Reinaldo

O idealizador deste site quer que seus leitores recebam um precioso recado de Jesus, que os orienta sobre a melhor maneira de pensar, agir e viver.

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado *